Acabo de sair de mais uma reunião de produção sobre a nossa querida e combalida Convenção de Supernatural, feliz e contente com uma pequena vitória que obtivemos. Qual não foi minha surpresa ao ler Clif Kosterman adiantar pra alguém “no Brazil this year. Sorry.”?

Aí achei que era hora de vir falar com vcs novamente.

Em tempo: não vou me endereçar ao descrentes, porque não tenho mais argumentos além dos que já dei (imaginando que estou falando com adultos, claro), pra provar que estamos fazendo o máximo para produzir uma Con de SPN no Brasil. Não posso ser chamada de caloteira, uma vez que nenhum ingresso foi vendido. Não tirei dinheiro de ninguém (se alguém tirou, me dá uma parte, pq to precisando!). Só cumpri ordens de gente mais experiente que eu e anunciei, pq a produção É uma realidade desde maio de 2009. A Con pode até não sair, mas não vai ser por falta de luta. Se alguém não quiser acreditar que coisas boas acontecem mesmo quando não é você quem o faz, ou uma empresa grande, faça isso. Talvez assim os ingressos sejam ligeiramente menos concorridos e alguém que realmente acredite fique com o seu, que duvidava e fazia campanha até ver que aconteceu. Valeu!

O site está pronto. A produtora está criada. Os contatos estão feitos com os mais diversos profissionais e vários locais e situações pensáveis. Só estamos correndo em busca do mais importante pra fazer o evento acontecer: di-nhei-ro. Papátrotrôcicínanádodô. E infelizmente não é um só. São necessários alguns interessados pra fazer a coisa acontecer. E mais gente se envolve. Gente grande, que eu não posso divulgar o nome, porque eles têm direito ao anonimato desejado. O fandom de SPN pode ser bem chato pra atazanar alguém pelo twitter a ponto do ator (ou segurança/amigo) ter de se dirigir aos fãs pra falar em outras palavras “me deixem em paz. Eu não vou pro Brasil. Ninguém me contatou.” Quando a gente pediu pra não fazerem, ainda assim fizeram isso, então não se falam mais em nomes ou valores ou motivos claros, pq o fandom vai atrás e pode estragar sem querer. Já já os Js gritam ‘nem me fala mais no Brasil, pq eu não quero mais ir nem que paguem o dobro’. Já pensaram que isso pode acontecer? Aproveito pra lembrar mais uma vez: Jared e Jensen não têm contas no twitter nem em outros sites de relacionamento.

Assim que nossa amada e aguardada Con acontecer (e vai!!! Pelamor, ela VAI!!!), se confirmar, eu conto tintim por tintim o q fez tudo demorar mais e pq a primeira previsão, pra maio de 2010, não se concretizou. Por ora é anti-ético e precipitado. Mas eu devia essa satisfação a vcs.
Não dá pra fechar datas enquanto a gente não puder pagar as contas. Por isso Clif não sabe que existimos, os nossos amigos webmasters de outros blogs não vão saber responder à maioria de suas perguntas e alguns vão dizer que é mentira nossa (olha pra minha cara! 36 anos nas costas e eu ia me meter nessa confusão só pra conseguir visita em blog. Faça-me o favor.) É simplesmente porque antes de acabar tendo de dizer ‘Desculpa aí, foi mal. Esquentamos a galera, mas não vai rolar’, a gente tá lutando. Só jogo a toalha quando o último recurso se mostrar ineficiente.
Cada centímetro dessa maratona de quase um ano é por amor a Supernatural e pela vontade doida de ver pelo menos Jensen e Jared aqui, falando pra gente.


Conto com sua colaboração e torcida!!