Ontem, alguns colunistas visitaram os sets de Supernatural e conversaram um pouco com Jensen Ackles (Dean Winchester) e Jared Padalecki (Sam Winchester) sobre a oitava temporada.
Aqui está um dos artigos traduzidos (esse é com Jensen, mais tarde será postado o de Jared), e com o vídeo (o qual não está legendado porque não queremos infringir as leis dos direitos autorais e ter nossa conta do youtube deletada). 
Tem fotos também no final e com alguém que estava nas filmagens. Esse alguém é definitivamente um personagem regular na oitava temporada.
Mas divirtam-se! E para os fãs de Castiel, Jensen foi claramente evasivo e não disse nada.


Os fãs de Supernatural já estão acostumados com re-encontros dos Winchesters após um bom tempo separados. A estreia da oitava temporada será, em certo ponto, um espelho da premiere da quarta temporada, quando Sam e Dean se reuniram após a passagem de Dean pelo inferno, ou da sexta, quando Sam revê Dean após passar ele mesmo uma temporada lá embaixo. Dessa vez, é claro que a reunião será diferente, porque Dean estava no Purgatório e sua experiência foi bem diferente da anterior. Enquanto isso, Sam estava vivendo uma vida normal, muito parecida com a que esteve vivendo antes que Dean o procurasse no episódio piloto.

Vários repórteres foram ao set hoje e Jensen cedeu uma entrevista curta, porém proveitosa. Parece que amanhã será a vez de Jared.

“Como sabemos pelo final da temporada passada, Dean e Cas foram mandados para o Purgatório. Vamos descobrir que Dean conseguiu sair de lá e que esse tempo que ele passou ali o fez mudar sua perspectiva em relação a certas coisas. Os Winchester estão sempre em guerra com os males do mundo, mas ele teve uma dose maciça disso tudo no Purgatório, porque ele estava cercado de todas as coisas que matou quando vivia aqui em cima. Foi quase como uma versão concentrada do que ele estava acostumado. Ele é um guerreiro muito mais endurecido agora e está pronto para usar essas habilidades que adquiriu no mundo real. Ele é um soldado, acabou de voltar de uma guerra e vai demorar um pouco para se ajustar à falta da ameaça constante e de combate aqui.” 

Nesse momento está sendo produzido o episódio 8 e nós ainda estamos conhecendo o que foi a passagem de Dean pelo Purgatório, portanto o que aconteceu com ele lá embaixo será revelado ao longo da temporada.

Jensen comparou a experiência de Dean com a do personagem de Jeremy Renner em The Hurt Locker, quando ele retorna da guerra para sua vida normal e simplesmente não sabe como lidar com as tarefas do dia a dia – como ir ao supermercado – que o resto de nós faz sem pensar. “Eu acho que Dean… ficou lá um ano inteiro assim… lutando e batalhando sem parar, coberto de sangue, coberto de lama, coberto de sujeira por 12 meses e agora ele voltou. Ele tem seu carro e ele tem seu irmão, mas ele não percebeu… Como as coisas eram mais fáceis aqui em cima.”

Fora o Transtorno Pós-Traumático que Dean parece ter adquirido no Purgatório, ele também tem um novo colega: um vampiro chamado Benny. Sabemos que ele não só ajudou Dean no Purgatório, mas também foi útil em sua saída de lá. Alguns fãs de Supernatural devem pensar que a relação de Dean com Benny é de uma aceitação ressentida, mas Jensen a descreve como algo mais real: “Estou animado com essa relação, até mesmo em nível pessoal, porque não se trata só de apresentar um novo personagem que é muito legal – assim como Ty Olsson, um ator fantástico. Ele e eu nos demos bem na hora. O personagem é, eu acho, muito parecido com Dean. É uma amizade de trincheira. Ele esteve na guerra com esse cara. Teoricamente, não é o tipo de pessoa com quem conviveria, quanto mais fomaria uma equipe. Benny fez por merecer a confiança de Dean.”

(Nota do autor: perguntaram a Jensen sobre Castiel no Purgatório, mas ele não respondeu. Fica claro que o que ocorre com Cas no Purgatório é um segredo importante).

Mas como explicar seu relacionamento com Sam? Alguns fãs podem estar acreditando que Benny seja o segredinho sujo de Dean, o que é uma situação comum para os Winchester. Mas Sam vai tomar conhecimento de Benny, mesmo que ainda não se saiba se Dean vai contar a Sam sobre Benny ou se Sam vai descobrir de outra maneira. Dito isso, Dean vai abrir o jogo, mesmo que seja  
“difícil para Sam compreender a amizade entre Benny e Dean, quando  Dean retorna. Então não só é uma ligação única e estranha para Dean após tantos anos lutando contra esse tipo de criatura , como agora ter de explicar essa amizade para seu irmão vai trazer à tona questões sérias e algumas dificuldades mais pra frente. E por esse motivo é que eu acho que essa é uma ótima aquisição para a história.”

Muitos fãs devem estar preocupados com o estado da relação dos irmãos e foi algo a que Jensen se referiu, além da questão de Benny: “Vai levar um tempo para a relação com Sam voltar a ser o que era. Também entra nisso o que Sam fez durante esse ano, que envolve o estranhamento de não só terem passado um ano separados, mas o que eles fizeram nesse tempo. Enquanto Dean estava em uma zona de guerra, Sam era literalmente o oposto. Esses dois irmãos viveram duas vidas completamente diferentes ao longo do ano e agira estão juntos novamente e precisam seguir de onde pararam e isso vai ser um problema. O que Sam fez enquanto Dean esteve longe é um ponto sensível porque ele não esteve fazendo o que seu irmão queria que ele fizesse. Quando essa informação vier à tona será um problema para a relação, mas no fim das contas, eles ainda são irmãos e ainda protegem um ao outro e é preciso muito mais para destruir isso.”

O original em inglês está AQUI

                                    

Fonte: TV Overmind

Aqui estão as fotos